lft-logo

Cronologia ano a ano

Fundação do Instituto Católico de Estudos Superiores

01/05/1932

Fundação do Instituto Católico de Estudos Superiores, com apoio do Cardeal Arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Sebastião Leme e do Ministro da Educação, Francisco Campos.
Segundo Tânia Salem, o Instituto seria "[...] visualizado, já na época, como o primeiro germe da futura Universidade Católica. [...] teve Alceu Amoroso Lima como idealizador e fundador e foi dirigido por Sobral Pinto. O padre Franca também marca aí sua presença como membro do corpo administrativo e docente. Na cerimônia de inauguração, presidida por D. Leme, estavam presentes na mesa, Alceu, Fernando de Magalhães (reitor da Universidade do Rio de Janeiro), Arquimedes Memória (diretor da Escola de Belas Artes) e, como representante do Governo Provisório, o ministro da Educação e Saúde, Francisco Campos. Tal fato atesta a aprovação - ou, pelo menos a condescendência - do Estado frente à entidade que então nascia.
"[...] a finalidade do instituto coincide com o propósito do Centro D. Vital e também com o da Associação dos Universitários Católicos - qual seja, o de formar fileiras em torno da cristianização da inteligência nacional. Entretanto, mais importante são suas diferenças - ou melhor, a especificidade e particularidade [...]. Como a Associação dos Universitários, o novo centro de excelência tinha por propósito atingir, especialmente, os alunos da Universidade do Rio de Janeiro, visando complementar sua formação obtida nos estabelecimentos tradicionais de ensino superior, de modo a integrá-los na Ação Católica [...]". [trecho de Do Centro D. Vital à Universidade Católica. IN Simon Schwartzman (org.). Universidades e Instituições Científicas no Rio de Janeiro. Brasília: CNPq, 1982, pp.97-134]

I Congresso Católico Brasileiro de Educação

27/09/1934
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

Na primeira das conclusões do I Congresso Católico Brasileiro de Educação foi registrado que “Deve ser quanto antes creada a Universidade Católica Brasileira, com âmbito nacional e para a qual concorram todos os católicos do Brasil”.

Fundação do Instituto de Educação Social e Familiar

01/01/1937
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

Fundado o Instituto de Educação Social e Familiar pela Associação de Educação Social e Familiar. Sediado na Rua Voluntários da Pátria, Botafogo, destinava-se principalmente à formação de assistentes sociais e de educadores familiares. Continha em seu corpo docente um número significativo de professores vindos da Europa.

Papa Pio XI.
Papa Pio XI.

O Papa Pio XI deu ao Arcebispo do Rio de Janeiro a missão de criar a Universidade Católica do Brasil

14/11/1938
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

Carta assinada pelo Papa Pio XI confiava ao Arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Sebastião Leme, “um mandato especial para tratar a questão relativa à auspiciosa Universidade Católica que deveria ser erigida nesta República Federal”.

O Primeiro Concílio Plenário Brasileiro declarou-se favorável à criação da Universidade Católica

01/09/1939
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

O Primeiro Concílio Plenário Brasileiro declarou-se favorável à criação da Universidade Católica: “[...] por sua natureza, a universidade é o centro onde se elaboram as grandes sínteses do saber, o seminário de formação dos sábios que impulsionam progressos do conhecimento, o laboratório em que se preparam os elementos superiores da administração e da vida profissional do país, numa palavra, o órgão conservador e transmissor de todo o patrimônio de uma civilização".
“A Universidade Católica do Rio de Janeiro era um ideal antigo de todos os bons brasileiros, o desejo manifestado, em várias cartas, ao Cardeal D. Sebastião Leme, pelo S. Padre Pio XI, a palavra de ordem do Primeiro Concílio Plenário, que reunira em 1939 todo o Episcopado Nacional”. Anuário PUC-Rio 1950, p. 7.

Fundação da Escola de Enfermagem Luiza de Marillac

05/09/1939
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

Fundada a Escola de Enfermagem Luiza de Marillac (ou Escola de Enfermeiras Católicas Luiza de Marillac), localizada na Rua Dr. Satamini, 237, Tijuca, pela Associação das Filhas da Caridade de São Vicente de Paulo.

 

Alceu Amoroso Lima em 1938.
Alceu Amoroso Lima em 1938.

Início do planejamento para a criação das Faculdades Católicas

01/01/1940
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

Início dos trabalhos do grupo designado pelo Cardeal Dom Sebastião Leme, composto pelo Pe.Leonel Franca S.J., e por Alceu Amoroso Lima, presidente da Ação Católica Brasileira, para o planejamento das Faculdades Católicas.

A Companhia de Jesus é convidada a dirigir as Faculdades Católicas

19/03/1940
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

A Companhia de Jesus é convidada a se responsabilizar “pela vida científica e didática da nova instituição”.

Fundação da Sociedade Civil Faculdades Católicas

21/06/1940
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

Sessão solene no Palácio São Joaquim, sede da arquidiocese do Rio de Janeiro, na qual os estatutos da “Sociedade Civil Faculdades Católicas” foi apresentado e esta considerada fundada. 

Assinatura do decreto que autorizou o funcionamento das Faculdades Católicas

30/10/1940
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

O Presidente da República assinou o Decreto 6.409 autorizando as Faculdades Católicas a instalar o curso de Bacharelado na Faculdade de Direito e sete cursos na Faculdade de Filosofia.

Mesa com autoridades e plateia da cerimônia de instalação dos cursos das Faculdades Católicas. Fotógrafo desconhecido.
Mesa com autoridades e plateia da cerimônia de instalação dos cursos das Faculdades Católicas. Fotógrafo desconhecido.

Instalação dos cursos das Faculdades Católicas

15/03/1941
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

O evento teve a com a presença do Arcebispo do Rio de Janeiro, Cardeal Dom Sebastião Leme, do Núncio Apostólico, Dom Benedito Aloisi Masella,  e do Ministro da Educação, Gustavo Capanema; seria “um grande centro de irradiação doutrinária” católica. O Padre Leonel Franca S.J. foi nomeado primeiro Reitor. O corpo docente era constituído por 44 professores, dos quais 16 com doutorado, 8 destes realizados no exterior.
- Alunos Matriculados
Filosofia - 2
Letras - 7
Letras Neo-Latinas – 14
Letras Anglo-Germânicas – 13
Geografia e História – 15
Ciências Sociais – 12
Pedagogia – 7
TOTAL – 70
Iniciou-se uma campanha financeira no sentido de viabilizar a futura Universidade Católica do Rio de Janeiro.
A Ação Católica, no seu ramo Juventude Universitária Católica, começou a funcionar nas Faculdades Católicas em reuniões bimensais.

Curso de enfermagem para as alunas

01/09/1942
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

Devido a mobilização nacional para a guerra, as Faculdades Católicas, juntamente com a Escola Ana Nery, organizaram um curso de enfermagem destinado exclusivamente às alunas.

Inaugurado um novo pavilhão para a Faculdade de Filosofia

11/10/1942
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

Com o aumento do número de alunos, as instalações do Palacete Joppert, na Rua São Clemente, tornaram-se insuficientes. Foi inaugurado um novo pavilhão para a Faculdade de Filosofia, que abrigou também a Faculdade de Direito. O novo edifício tinha três andares e vinte salas.

Reconhecimento oficial das Faculdades Católicas

01/12/1942
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

Reconhecimento oficial das Faculdades Católicas, através dos decretos 10.984 (Faculdade de Direito) e 10.985 (Faculdade de Filosofia).

Doação de lotes na Esplanada do Castelo

13/04/1943
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

Foi doada pelo Governo Federal às Faculdades Católicas uma área com seis lotes na Esplanada do Castelo no Centro do Rio, após longas negociações envolvendo ministros de estado e o próprio Presidente Getúlio Vargas. Eram 2.400 m2.

Instalação de curso para auxiliares de Serviço Social

01/08/1943
| Referente a:  Departamento de Serviço Social (SER)

Instalação de curso intensivo de preparação para auxiliares de Serviço Social, com o apoio da Legião Brasileira de Assistência. Foi o início da Escola de Serviço Social.

Formatura da primeira turma da Faculdade de Filosofia

30/12/1943
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

Dos setenta alunos inicialmente inscritos, quarenta e três terminaram o curso. O paraninfo da turma foi o Reitor Pe. Leonel Franca S.J..

Doação de terreno para a instalação do Instituto Social

01/01/1944
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

O terreno da Rua Humaitá, 170, foi doado pelo Cardeal Dom Jaime de Barros Câmara às Faculdades Católicas para a construção do Instituto Social. Ali antes funcionava a Associação Nossa Senhora Auxiliadora.

Início do Curso de Didática

01/01/1944
| Referente a:  Departamento de Educação (EDU)

Começa a funcionar o Curso de Didática, que tinha por objetivo formar para o magistério secundário.

Fundação da Revista Verbum

01/01/1944
| Referente a:  Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-Rio

Fundada a Revista Verbum, trimestral, que tinha por objetivo ser uma revista de cultura universitária visando o intercâmbio com instituições congêneres do país e do estrangeiro.

Páginas